Agricultura Biológica em grande destaque na Biblioteca Municipal de Portimão
 
A Agrobio, Associação Portuguesa de Agricultura Biológica, vai estar em Portimão, na Biblioteca Municipal Manuel Teixeira Gomes, no próximo dia 2 de março, pelas 18h00,com o Workshop “Agricultura Biológica e Desenvolvimento Rural Sustentável”. A iniciativa acontece numa parceria com o Município de Portimão com o objetivo de sensibilizar a comunidade para a Agricultura Biológica.
 
O Workshop “Agricultura Biológica e o Desenvolvimento Rural Sustentável” acontece no âmbito da Campanha + Bio e tem como propósito levar os participantes a entenderem o caminho para a conversão em Agricultura Biológica, o impacto desta no meio-ambiente, as possibilidades da política agrária comum para o desenvolvimento de uma ruralidade sustentável e a aprendizagem direta com um produtor Bio em diferente áreas de produção.
 
A campanha + Bio pretende aumentar a consciência dos cidadãos em relação à importância da Agricultura Biológica, da produção ao consumo, assim como a compreensão do impacto que as nossas escolhas têm na pegada ecológica de cada um e consequentemente em todo o planeta. A ruralidade sustentável é a premissa por excelência da campanha +Bio e esta passa pela ruralidade inteligente com opções centradas na agricultura biológica, nas energias verdes e no sequestro das técnicas tradicionais de construção e organização rural.
 
De referir que, a AGROBIO – Associação Portuguesa de Agricultura Biológica, fundada em 1985, é uma instituição pioneira que protagoniza a divulgação da Agricultura Biológica em Portugal. Constitui-se como um polo agregador de pessoas de todas as faixas etárias e profissões, que têm em comum preocupações com a qualidade dos alimentos, a saúde, o ambiente e a defesa de uma prática agrícola mais sã.
Este Workshop está em digressão pelo país, em parceria com diferentes municípios e diferentes instituições: Quercus, DRAP, Bolsa de Terras e diferentes produtores. A iniciativa insere-se na Campanha + Bio, cofinanciada pela comissão europeia.
 
Programa:
18h00 Abertura – Joaquim Castelão Rodrigues, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Portimão; Fernando Severino, Diretor Regional da DRAP Algarve; Jaime Ferreira, Presidente da AGROBIO;
18h15 – “Agricultura Biológica e Ruralidade” – Quercus, Miguel Viana;
18h30 – “Conversão à Agricultura Biológica”, António Lopes;
19h00 – “APAC em direção à Sustentabilidade”, Jaime Ferreira, Presidente da AGROBIO;
19h15 – 20h30 Bolsa de Temas, Norberto Correia, DGADR - Direcção-Geral De Agricultura E Desenvolvimento Rural
Caso Prático Exploração Bio, Júlia Maria Coelho; Debate e Encerramento
 
 
Para outras informações poderá visitar o site em:
Portimão é a cidade eleita para a 1ª Prova da Taça de Portugal de Paraquedismo – modalidade Freefly
 
18 e 19 de fevereiro
Aeródromo Municipal
 
 
O Aeródromo Municipal de Portimão vai ser palco nos próximos dias 18 e 19 de fevereiro, da 1ª Prova da Taça de Portugal de Paraquedismo naquela que é considerada a modalidade mais radical - Freefly. O evento é organizado pela Federação Portuguesa de Paraquedismo através da Skydive Algarve, reúne cerca de 30 paraquedistas portugueses aficionados por esta modalidade e promete muita adrenalina nos céus de Portimão.
 
O Aeródromo Municipal recebe esta prova que é de relevante interesse nacional, no âmbito desta modalidade desportiva. Apesar de ser uma das modalidades mais recentes do paraquedismo, é também a que mais tem vindo a crescer. No Freefly o paraquedista utiliza várias técnicas de voo: head down (cabeça para baixo), sitfly (sentado), standup (de pé), backtrak (de dorso) e bellyfly (de barriga para baixo). Não existem limites no Freefly e isso faz com que esta seja uma das categorias mais apreciadas no paraquedismo, talvez até a mais radical pois os atletas realizam manobras que antes pareciam ser impossíveis e agora chegam a atingir velocidades de 400 km/h. Nas competições de paraquedismo, o freefly é uma das provas que reúne mais curiosidade e expectativa por parte de todos os adeptos, dadas as manobras espetaculares que os seus competidores realizam. 
Este evento conta com dois aviões Dornier G92 Twin Torbine, aeronaves de duas turbinas com capacidade para transportar simultaneamente 15 paraquedistas, que realizaram os saltos a partir dos 14 mil pés de altitude, em cerca de 13 minutos. Estas aeronaves são usadas no Reino Unido para a maior competição de paraquedismo do mundo, o British Skydiving Championships.
 
Desde 1999, o Aeródromo Municipal de Portimão tem vindo a receber encontros e festivais de paraquedismo de âmbito internacional com assinalável êxito como são os exemplos dos Festivais de Paraquedismo da primavera, do outono e do Natal que trazem a Portimão centenas de paraquedistas de vários nacionalidades.
 
O Aeródromo é uma referência incontornável para a comunidade aeronáutica internacional, tem uma média anual superior aos dez mil voos, sobretudo ao nível da publicidade e fotografia aérea, lançamento de paraquedistas, voos de instrução e de transporte aéreo não-regular, bem como voos privados de recreio.
 
De referir que em agosto de 2013 o site especializado Skydive – Worldwide.com atribuiu o 5º lugar ao Aeródromo Municipal de Portimão numa lista onde figuravam 550 zonas de paraquedismo de toda a Europa, sobretudo graças às excelentes condições atmosféricas aqui existentes, que permitem que esteja aberto a todo o tráfego ligeiro e ultra ligeiro o ano inteiro, com uma taxa muito reduzida de cancelamentos de voos.
 
Para informações adicionais sobre o evento os contactos são Skydive Algarve – 282496581/914266832
Ginastica Ritmica 117
 
A Taça do Mundo de Ginástica Rítmica regressa a “casa” - Portimão
 
11 a 14 de maio – Portimão Arena 
 
Em 2017 o panorama do desporto será marcado pelo regresso a casa da Taça do Mundo de Ginástica Rítmica (GR) e do Torneio Internacional de Portimão de GR. Numa organização conjunta da Federação de Ginástica de Portugal, Câmara Municipal de Portimão e Associação Turismo de Portimão, de 11 a 14 de maio, a cidade volta a receber as provas míticas que durante anos contribuíram para o crescimento da disciplina no país e para a projeção da imagem do município no mundo.
 
A experiência adquirida durante 25 anos de realização do TIP e 5 etapas da Taça do Mundo de GR, as boas condições logísticas e as infraestruturas existentes foram argumentos fortes para firmar o acordo, assinado em 2016, entre a Federação de Ginástica de Portugal, a Câmara Municipal de Portimão e a Associação Turismo de Portimão, garantindo o regresso daquela que já foi considerada a “melhor” Taça do Mundo de GR e, com ela, a realização da XVI edição do Torneio Internacional de Portimão.
 
Pela Taça do Mundo irão competir, nas vertentes “individual” e “conjunto”, as ginastas seniores e o TIP voltará a receber as jovens promessas da disciplina no primeiro ano do novo ciclo olímpico que tem Tóquio 2020 em perspetiva.
 
Torneio Internacional de Portimão
 
Com a participação de seis países e apenas 20 ginastas, nascia em 1987 o Torneio Internacional Portimão. Durante 25 anos aquela que é a mais antiga prova internacional de ginástica em Portugal tornou-se uma referência no circuito internacional da disciplina. O sucesso e o prestígio alcançado pelo TIP contribuíram para que Portimão recebesse, a partir de 2006, uma das Taças do Mundo do circuito internacional de GR, que veio fortalecer em definitivo a ligação do município àquela que é uma das mais belas disciplinas de ginástica. A sua primeira edição serviu igualmente de pano de fundo à inauguração do Portimão Arena.
 
Entre 2006 e 2011, em simultâneo com o TIP, realizaram-se seis Taças do Mundo de Ginástica Rítmica em Portimão. A cidade recebeu algumas das referências mundiais da disciplina, das quais se destacam as campeãs olímpicas, mundial e europeia Alina Kabaeva e Evguenya Kanaeva, a campeã do mundo Anna Bessonova, a ginasta favorita do público de Portimão, para além de nomes como Alya Yussupova, Melitina Staniouta e Almudena Cid. Uma competição de rara beleza que proporcionou também ao público uma oportunidade para ver e aplaudir os conjuntos ex-libris da Rússia, de Itália, da Bielorrússia e da Espanha.
 
Em 2011 a impossibilidade da autarquia garantir a realização das provas conduziu a uma interrupção e em 2013 a Federação de Ginástica de Portugal decidiu retomar a organização da competição em Lisboa, o que aconteceu até 2016.
 
Em 2017 a competição regressa a casa com expectativas elevadas. Portugal irá fazer-se representar por duas ginastas seniores, que ao que tudo indica serão as escolhidas para o Campeonato da Europa da disciplina, que se realizará na semana seguinte, na Hungria. As ginastas estão em preparação para este Ciclo Olímpico e contam com a ajuda da nova treinadora nacional, a búlgara Darina Vasileva. No TIP, a delegação portuguesa será maior, com a participação de ginastas seniores e juniores individuais da Seleção Nacional.
 
O cartaz da competição estará disponível para consulta em breve, assim como os bilhetes estarão disponíveis para venda na Bilheteira Online.
 
Notas:
  • Ginástica Rítmica: A Ginástica Rítmica (GR) é uma disciplina olímpica essencialmente feminina que se caracteriza por combinar aspetos estéticos e artísticos através da realização de movimentos corporais, coordenados com o manejo dos aparelhos portáteis, que são: a corda, o arco, a bola, as maças e a fita. Os exercícios apresentam um elevado nível de dificuldade técnica e exigência física e são realizados fluentemente em harmonia com a música.
  • Torneio Internacional Portimão – 25 edições entre 1987 e 2011. A maior edição do TIP foi em 2007, ano em que estiveram representados 46 países, num total de 444 ginastas.
  • Taça do Mundo de Portimão – Seis edições, entre 2006 e 2011
 
Federação de Ginástica de Portugal
 
A FGP superintende toda a atividade da Ginástica sendo a única Entidade que pode atribuir títulos de Campeões Nacionais e de representar Portugal. São oito as disciplinas sobe tutela da FGP: quatro olímpicas (Ginástica Rítmica, Trampolins, Artística Masculina e Artística Masculina) e quatro não olímpicas (TeamGym, Aeróbica, Ginástica para todos e Acrobática). No seu conjunto a FGP abrange perto de 18 mil ginastas, de 236 clubes e dez Associações Territoriais.
 
Para mais informação contactar Elena Rosca do Gabinete de Comunicação da FGP - comunicacao@gympor.com |+ 351 93 603 11 81.

01 Portimao02 Alvor03 MexGrande04 patrimonio05 natureza06 Cultura07 Praias

  • Emarp
  • Mercados
  • Museu
  • Tempo
  • VaieVem
  • Proteção Civil